IV: Quem foi o tal Jacques Felix?

Bandeirante é considerado fundador de Taubaté

Jacques Felix fundou Taubaté entre 1639 e 1640.  Supõem-se que ele tinha mais de 70 anos quando chegou aqui  para tomar posse das terras que pertenciam legalmente a Condessa de Vimieiro.  Felix construiu a igreja, casa da Câmara e da Cadeia que deram à Taubaté o status de Vila em 1645.

tteflorencano

Vila de Taubaté nos seus primórdios. Gravura de Hernani Pereira

Bandeirante experiente, Jacques Felix conhecia bem a região do Vale do Paraíba. Sua família foi a primeira a se instalar na região, onde tinham uma fazenda entre Tremembé e Pindamonhangaba. E  foi ele o responsável por trazer as primeiras cabeças de gado e os primeiros escravos africanos.

Jacques Felix pode ser considerado o primeiro chefe do executivo taubateano, com poder civil, militar e criminal.

Também foi o primeiro “arquiteto” de Taubaté. Planejou o núcleo inicial de Taubaté, um modelo espanhol que “evitava os acidentes topográficos instalando-se em terrenos regulares, permitindo a construção das cidades em formas geométricas precisas”, normalmente como um tabuleiro de xadrez.

planta

Planta de Taubaté feita por Arnaud Julien Pallière, em 1821.

Saiba também a importância do 20 de janeiro na história de Taubaté

Saiba sobre os vestígios dos fundadores de Taubaté em Os mortos da praça D. Epaminondas

De família com origem flamenga, Felix era casado com Francisca e teve três filhos. Morreu em Taubaté entre 1651 e 1658.

Veja também:

Vá para Taubaté

Almanaque Taubaté #1

 

A seguir: Taubaté – Primeiros Dias

 

Acompanhe o Almanaque Urupês também na nossa página do facebook e twitter

Comments

Deixe uma resposta