12 de dezembro de…

 

1642   Francisco da Fonseca Falcão é nomeado por provisão do marquês de Cascais para 55.º capitão-mor de São Vicente.

 

1720   A capitania de Minas Gerais é separada da de São Paulo por alvará régio, sendo D. Lourenço de Almeida nomeado seu 1.º governador. (Folhas).

 

1883   O Côn. Dr. Antônio Dias da Rocha, visitador Apostólico da Ordem Franciscana fluminense passa dois dias em Taubaté e dá liberdade a 6 escravos do Convento de Santa Clara. Tem percorrido a província com esse fim. Os escravos do Convento libertados são dois crioulos de 20 anos mais ou menos e quatro pretas, sendo uma mulata ainda jovem. Celebra a missa após a qual faz pregação a respeito de sua missão e entrega das cartas de emancipação aos ex-escravos, uma a uma. (Gazeta de Taubaté).

 

1887   A Junta Revisora da Comarca de Taubaté constituída dos Srs. Antônio Maria da Silva, juiz municipal, presidente; Francisco Eugênio de Toledo, delegado de polícia; David Lopes da Silva, vice-presidente da Câmara Municipal e Dr. João Evangelista Marcondes Varella, promotor público da Comarca;  reunidos na sala da Câmara Municipal apuram os nomes dos cidadãos julgados obrigados a todo serviço de paz e de guerra que são publicados. (O Liberal Taubateense).

 

1900   Morre em Tietê o ator Antônio Gomes que aqui se apresentou muitas vezes. O Grupo Drama-tico Particular “Arthur de Azevedo” de Taubaté manda celebrar missa por sua intenção. (Jornal de Taubaté).

 

1905   Professores que lecionam em Taubaté: Fran-cisco Vieira da Silva da escola do Alto de São José; Júlio Marcondes do Amaral do Bairro do Barreiro; D. Engracia de Godoy da Escola Feminina do Quiririm; D. Emília Vasques da Escola Feminina do Alto de São José, onde já se realizaram exames finais. As provas têm impressionado agradavelmente o intendente municipal Dr. Afonso Moreira da Silva e os examinadores componentes da banca. A escola do Areão é do prof. Thomaz Ribas. (Jornal de Taubaté).

 

1905   Estão inscritos no concurso que se deve realizar dia 14 no Tribunal de Justiça em São Paulo para provimento do ofício de 2.º tabelião da Comarca de Taubaté na vaga ocorrida com a morte do Sr. Manoel Vaz de Toledo Júnior, os Srs. Josino Moreira, José Boaventura de Campos, José Francisco da Costa, José Augusto Marcondes de Mattos (nomeado) e Victor Fava. Os examinadores são os Srs. Dr. Euclides Silva e escrivão Francisco Gonçalves. (Jornal de Taubaté).

 

1905   Fogaça & Monteiro anunciam o seu “Café Democrata” como o primeiro estabelecimento do gênero, inaugurado nesta cidade. (Jornal de Taubaté).

 

1905   Realizam-se os exames finais na escola mantida pelo Centro dos Operários Católicos de Taubaté. Os alunos demonstram aproveita-mento em português, francês, aritmética, história e geografia. A Banca examinadora é presidida pelo Rev.do Con. Antônio do Nasci-mento Castro, vigário colado da paróquia. (Jornal de Taubaté).

 

1914   A Comissão de Festejos do Sport Club Taubaté reúne-se para confeccionar o progra-ma de recepção aos confrades de São Paulo com quem realizarão jogo aqui dia 25. (O Norte).

 

1914   O Dr. Francisco Cardoso Ribeiro, juiz de direito da Comarca torna público que para o concurso para provimento do cargo de Escrivão de Paz do distrito da sede de Taubaté se inscreveu o Sr. Tancredo Winther e marcou o dia 21 do corrente para o exame que será procedido pelo Dr. Promotor Público juntamente com o Escrivão do 2.º Ofício. (O Norte).

 

1915   Na Associação Artística e Literária de Taubaté, reúnem-se professores públicos deste município sob a presidência do Dr. Gastão Câmara Leal, diretor do Instituto Correcional, e tratam da fundação na cidade de um “Centro de Professorado”. (Gazeta de Taubaté).

 

1927   O Dr. Avelino Correa Porto de Abreu assume o cargo de delegado de polícia de Taubaté em substituição ao Dr. Miguel Teixeira Pinto que entrou em gozo de férias. (O Norte).

 

1940   O interventor federal em São Paulo Dr. Ademar de Barros assina contrato com a C.ia Nacional de Construções Civis para a cons-trução do porto de Ubatuba. (O Momento).

 

1948   O Sr. H. Sales Giffoni é premiado com o “Citroen” levado à rifa mediante a venda de 5.000 bilhetes (125.000,00) pelo Esporte Club Taubaté para custeio da jornada de 1948 e para cujas despesas o tesoureiro do Club Sr. José Rodrigues Pereira havia adiantado 68.000,00. Empenharam-se na campanha também os Srs. Antônio Eulálio Filho, José Lima, coletor federal, o esportista Sr. José Vidal. Foi sorteado o bilhete n.º 3323. (Taubaté Jornal).

_______

Extraído das Efemérides Taubateanas, de José Cláudio Alves da Silva. Acervo Maria Morgado de Abreu

Comments

Deixe uma resposta